A Diocese de Palmeira dos Índios divulgou, na tarde desta terça-feira (9), por meio de nota oficial, que instaurou um procedimento para investigar a conduta do reverendo Padre Antônio Bernardo dos Santos, que atua na Catedral Nossa Senhora do Amparo, situada no Centro da cidade. O fato aconteceu após o vazamento de fotos nas redes sociais.

O processo corre em segredo de justiça e após a fase investigativa da Diocese, seguirá para o Vaticano para a decisão do Papa Francisco.

As fotos compartilhadas mostram o padre Antônio Bernardo ao lado de dois jovens não identificados. Nas imagens, eles estão deitados e um dos jovens segura uma lata de bebida alcoólica. Também é possível ver outra lata em cima de um móvel.

No fim da nota, o vigário Geral da Diocese de Palmeira dos Índios, Pe. Wendell Assunção Gomes, pede que os fiéis rezem pela Santa Igreja.

Confira a nota na íntegra:

A Diocese de Palmeira dos Índios comunica que, no dia de hoje, foi instituído um Processo Administrativo Penal em desfavor do Reverendo Pe. Antônio Bernardo dos Santos, do clero desta Diocese. O Processo transcorre em segredo de justiça. Os autos do procedimento canônico, concluída a fase diocesana, seguirão para a Cidade Estado do Vaticano, em Roma (Itália), para a decisão do Santo Padre Francisco. Rezemos pela Santa Igreja, particularmente pela nossa Diocese.

Palmeira dos Índios, AL, 09 de maio de 2017

Por Rafael Maynart | Portal Gazetaweb.com

COMPARTILHAR